29 de dezembro de 2009

Cantina da Nona

Aproveitando que terminei tudo o que tinha pra fazer na oficina até meio dia e o Daniel tinha o dia livre, fizemos um pedalzinho curto na tarde desta terça-feira (29/12). Saímos logo após o almoço, mas sem almoçar, em direção ao Parque Barigui, onde pegamos a 277 sentido Campo Largo. Seguimos até o trevo do contorno, onde pegamos a estradinha da Copel, ali fizemos uma rápida parada pro Daniel acertar a posição do selim. Entramos na estrada de terra 14:10h.
A estradinha está bem esburacada e com muitas pedras soltas, em uma das descidas bati forte a roda traseira e achei que tinha furado o pneu, mas foi só impressão mesmo. O bom desse caminho é que nele tem vários trechos com sombra, estava muito quente.
Fomos até o final da estradinha, saindo na Estrada da Colônia D. Pedro, seguimos por essa até a Estrada do Cerne, por onde pedalamos uns 5km sentido Campo Magro saindo em seguida sentido Cantina da Nona, mais algumas subidas e chegamos na cantina pro almoço 16:00h.
Depois de alguns pasteis um pouco gordurosos e um bom gatorade gelado iniciamos a volta, em direção ao Parque Tingui, por onde atravessamos voltando até as Mercês.
Nas Mercês o Daniel ficou em casa eu segui pro Rebouças, passei na TagBike ainda pra bater uma água na bike e tirar o pó, chegando em casa 18:10h com 53km pedalados. Esse foi o último pedal de 2009, aproveitei pra estrear a nova relação de 27 marchas na bike e o novo camelbak. Nunca tinha usado mochila de hidratação, e como primeiro uso gostei bastante, foi um dos pedais em que mais bebi água :-)

Um comentário:

Mildão disse...

tão namorando?

:D