19 de março de 2008

Estrada do Jaraguazinho

No último domingo 16/03 fui com a Angela a convite do Roberto Coelho fazer um passeio na Estrada do Jaraguazinho em Santa Catarina. Eu fui como mecânico da turma.
Nos encontramos cedo na Humana - Farmácia Integrada no água verde, e não demorou muito para que o pessoal começasse a chegar. Carregamos as bikes no papa-bike, embarcamos no ônibus e seguimos sentido Av. das Torres seguindo sentido Santa Catarina. Paramos num posto antes da serra pra esticar as pernas e fazer um lanche.
A estrada do Jaraguazinho liga a cidade de Rio dos Cedros à Jaraguá do Sul, atravessando uma serra em seu caminho.
Iniciamos a pedalada 12:30h sob um sol muito forte, e logo no início enfrentamos muitas subidas. Algumas pessoas desistiram da subida e foram pro ônibus pra curtir o passeio sem muito esforço. Durante a subida o tempo mudou e enfrentamos muita chuva, forte e um pouco gelada, mas mesmo assim foi bom, pois estava muito quente. A estrada enquanto sobe vai beirando um rio muito bonito, cheio de pedras, e com um visual fantástico. Passamos por uma usina hidrelétrica e continuamos subindo. Quando acabou o trecho pesado de subida o pessoal do ônibus voltou a pedalar com o grupo. Passamos por belas paisagens durante o passeio. Paramos várias vezes pra conversar, tirar fotos, e pra comer. O bom de passeios com estrutura é a mordomia, refrigerante e água gelada assim que der sede, e sanduíche natural para matar a fome na hora que quiser. Após 31km de subidas começamos a descer, a descida é muito boa e íngrime, a estrada estava bem firme e sem pedras. Quase um tapete. Fizemos quase metade da descida e paramos pra algumas fotos numa capelinha junto a estrada. Alguns aproveitaram pra tirar mais fotos, e até pra fazer mais um lanchinho. A descida continuava bem forte, exigindo muito dos freios e dos bikers. O local é muito bonito, pois desce junto a mata. No entanto, algo triste aconteceu. Durante a descida, um biker que estava um pouco mais a frente perdeu o controle da bicicleta e sofreu um sério acidente. Não sei como ele caiu, pois quando o encontrei ele estava num trecho de reta. A socorrista da turma fez os primeiros socorros enquanto aguardávamos os bombeiros pra fazer o resgate. Enquanto isso guardamos as bicicletas no papa-bike e seguimos o resto do passeio dentro do ônibus até chegar no hospital em Jaraguá do Sul para saber como estava o colega machucado. Quando chegamos foi decidido que ficaria na cidade um amigo do rapaz e junto com ele o Roberto. O restante do grupo retornou pra Curitiba, paramos no Rudnick pra lanchar/jantar e seguimos pra Curitiba.
Quando chegamos em Curitiba ficamos sabendo através de um telefonema que o estado do rapaz era grave e que ele seria submetido a uma cirurgia, pois além dos ferimentos, teve um rim e o baço rompido devido a batida. Ficamos todos bem tristes com isso. Mas já recebemos notícias de que ele já está melhor e esta se recuperando. Vamos torcer pra que tudo de certo e que ele fique bem o quanto antes. Acabamos chegando em casa quando era 01:30h de segunda com 41km de pedal, 37km na Estrada do Jaraguazinho.



Leandro

2 comentários:

Anônimo disse...

Foi muito legal este pedal, a estrutura do roberto para este tipo de passeio é maravilhosa, e a mordomia também!
a paisagem era muito bela, só a primeira subida que foi pesadinha e eu fui uma das que foi no onibus, até porque no dia anterior eu fiz a caminghasda do morro do canal que tinha ferrado com o joelho...
A unica coisa que fez o passeio ficar triste foi o acidente.. estamos rezando e torcendo pela recuperação do biker!

Angela.Ester

Carla M. Matsue disse...

Pela segunda vez fiz este roteiro e nas 2 vezes caí um pequeno tombo que só fez alguns ralados nas pernas. Mas o acidente do nosso companheiro de pedal foi mais grave. Isso fez com que algumas das minhas atitudes mudassem e conceitos foram repensados. Espero que todos os esportistas realizem um planejamento de segurança antes de realizar uma viagem, seja de 24 horas ou 1 mês. Quanto ao nosso companheiro está se recuperando muito bem e superando as expectativas médicas, tenho certeza que em breve estaremos pedalando novamente. Feliz Páscoa.