10 de setembro de 2011

Estrada de cimento + Jazida da Itambé

Pedal inédito no blog até então. Durante a semana estávamos combinando um pedal na região de Porto Amazonas / Lapa, mas com o tempo instável decidimos não ir tão longe, dessa forma ficou combinado que iríamos até a Jazida da Itambé.
O pedal teria início 08:00h, mas com alguns atrasos acabamos saindo apenas 08:30h com 4 pessoas. Leandro, Thiago, Rafael e Richard.
Eu e o Thiago fomos de speed, pois faríamos apenas asfalto, já o Rafael e o Richard foram de MTB pois iriam subir a Estrada da Faxina.
Seguimos todos juntos até a entrada pra faxina, ali nos separamos mas combinamos de almoçar juntos, 13:00h no Jusita. Imaginamos que daria tempo de sobra pra fazer o trecho e ainda chegariamos cedo no Jusita, puro engano.
Após trocentas subidas e descidas finalmente chegamos no final da estrada de cimento, só que queriamos ir ver a tal da Jazida. Como estávamos de speed, acabamos improvisando um ciclocross de alguns poucos kms.
O horário já estava apertando, e como as subidas não dão trégua, o jeito foi relaxar e esquecer um pouco o relógio. No caminho de volta paramos em um botequinho à beira da estrada pra tomar uma coca e seguimos adiante. Nesse horário a estrada ficou totalmente sem movimento, na ida tava um trânsito bem intenso de caminhões, na volta vimos apenas um.
Após passarmos pelas trocentas subidas e descidas novamente, finalmente chegamos na 277 quando já passava das 13:30h. Atrasamos o almoço do Rafael e do Richrd, que ficaram nos esperando. Chegamos no Jusita 14h e detonamos uma polenta.
A volta foi pela 277, rápido e sem qualquer contratempo. Valeu a companhia pessoal.
Números do pedal:
-Início: 07:30h;
-Fim: 16:40h;
-Tempo pedalando: 06:10h;
-Distância: 125.2km;
-Média: 20.2km/h;
-Máxima: 61.5km/h;
-Altimetria acumulada: 2.013m;
-Gastos: R$17,00 (coca + polenta)
.

Um comentário:

Jopz_B1B disse...

OPAZ, esse tempinho do feriado judiou geral... eu tinha programado um pedalzito com a Rb ali pela sereia, mas não rolou, trocamos o pedal por uma visita ali em campo largo mesmo na FEIRA DA LOUÇA.

Bonita a pedreira, só tinha visto pelo google.

E essa cobra tava viva? parece que estava machuca. E pela cor parece muito com uma perigosa JARARACA, só não dá pra ver direito o formato da cabeça dela pra confirmar.

Ehhhhh LA BELLA POLENTA!

INTEPZ,

jopz